Chamada para servir

O Deus da Bíblia

“Que há sofrimento e brutalidade na Bíblia, ninguém há de negar; é um livro sobre a humanidade, e o sofrimento é um facto da existência humana. O Deus do Antigo Testamento não se mantinha distante do Seu povo eleito; participava nas suas lutas e tratava os inimigos de Israel como Seus inimigos.

Quando Israel transgredia as Suas leis, Deus reagia com uma ira terrível. O nosso Deus não é uma divindade distante – um Buda que já transcendeu tudo, ou um Zeus que faz troça das desgraças humanas. De todas as religiões do mundo, o Cristianismo é a única a representar um Deus que sofre, um Deus que assumiu na sua própria pessoa a dor humana, e que na Sua agonia gerou a salvação da humanidade.”

(Clarence Wilmot, personagem de John Updike, Na Beleza dos Lírios, Cia das Letras, p.60)

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Nuvem de etiquetas

%d bloggers like this: