Tempo pascal

 

Para um cristão, entrar no âmago do período pascal – entre a Quinta-feira Santa e o Domingo da Ressurreição – é, simultaneamente, um desafio, um privilégio e uma oportunidade.

Um desafio, porque somos confrontados de uma forma mais directa e premente com a Paixão, Morte e Ressurreição de Jesus Cristo, apesar de, todos os dias do ano servirem para o lembrarmos. É certo que não necessitamos de dias especiais, festividades ou efemérides para ter presente na mente e no coração o muito amor com que Deus nos amou. Até porque, de cada vez que celebramos a Ceia do Senhor estamos a recordar a obra de Cristo no Calvário. Mas a verdade é que o tempo pascal nos interpela de modo particular, nos confronta com a obra da Salvação e nos desafia a responder.

Um privilégio, porque muitos milhares dos nossos irmãos na fé, em todo o mundo, estão impedidos de o fazer, quer por legislação e falta de liberdade religiosa, quer por outros motivos. Somos privilegiados em poder celebrar a Páscoa e por isso agradecemos a Deus tal bênção.

Mas nem todos entendem este privilégio, optando por fazer umas mini-férias de Primavera, estando assim ausentes das suas comunidades locais de fé no momento mais alto do calendário cristão.

É da natureza humana valorizar verdadeiramente coisas ou pessoas apenas quando as perdemos, o que é pena e nos indica quão trocadas andam por vezes as nossas prioridades.

Uma oportunidade, porque não há nada como o confronto com o amor sacrificial do Pai e o acto de entrega, em sacrifício vicário, do Filho, para nos constranger. Somos atraídos a Deus pelo amor. É a cruz que nos atrai. É o amor que nos constrange. E a essência divina é Amor (I João 4:16).

Mas é também uma oportunidade para nos reaproximarmos dos fundamentos da nossa fé. O Apóstolo Paulo radica a legitimidade da fé na cruz de Cristo e no sepulcro vazio: “E, se Cristo não ressuscitou, logo é vã a nossa pregação, e também é vã a vossa fé” (1 Coríntios 15:14).

Sendo assim, celebrar a Páscoa é voltar aos fundamentos. Celebremos, pois, esta Páscoa.

B-L.

 

 

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s