Chamada para servir

 

 

 

A Igreja madura é a que…

… resiste a mobilizar o seu povo através de cantores profissionais, que fazem do altar um palco e exigem cachet profissional.

Em alternativa promove a formação de adoradores.

 

A Igreja madura…

… é a que resiste a mobilizar os seus fiéis através de pregadores famosos ou autopromovidos, como se fossem estrelas mediáticas ou do mundo do espectáculo.

Em alternativa os fiéis vão para ouvir a Palavra e pelo prazer da comunhão e do culto comunitário.

 

A Igreja madura…

… é a que resiste à “onda gospel”, que caracteriza uma espécie de cultura pimba do meio evangélico. Ou seja, música comercial, sem qualidade, sem criatividade e sem arte.

Em alternativa promove a criatividade e a arte no contexto da adoração.

 

A Igreja madura…

… é a que não copia métodos, práticas, ênfases e processos de outras culturas.

Em alternativa opta por se tornar criativa e contextualizada, guiada pelo Espírito Santo e não pelo mercado.

 

JB-L

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Nuvem de etiquetas

%d bloggers like this: