A radicalidade do amor

o-amor-de-deus

Na celebração desta manhã concluímos um estudo sobre o tema eventualmente mais fascinante de toda a revelação bíblica: a essência de Deus. O amor é a marca distintiva do cristão. Jesus deixou bem claro qual era o selo do discipulado perante o mundo (oikoumene): “Nisto todos conhecerão que sois meus discípulos, se vos amardes uns aos outros” (João 13:35).

Assim, o amor divino é o emblema, a marca, o distintivo do cristão comprometido com Cristo. Não há outro. Nem a doutrina, nem a tradição, nem a história, nem a confissão/denominação, nem a estrutura ou organização eclesial. Lembremo-nos: “Aquele que não ama não conhece a Deus; porque Deus é amor” (1 João 4:8). Talvez precisemos, na nossa mornidão, nas nossas lutas diárias, de um verdadeiro baptismo de amor. No final, o amor vencerá.

2016-09-11-09-58-50

 

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s